Publicador de conteúdo web

Coordenação-Geral de Fomento:

Ação 

 Detalhamento

Editais #AudiovisualGeraFuturo

FSA 01 a 10

Edital nº 01 – Longa Animação

Edital nº 02 – Narrativas Audiovisuais para Infância – Curta (live action)

Edital nº 03 - Narrativas Audiovisuais para Infância – Série (live action)

Edital nº 04 – Documentário Afro e Indígena

Edital nº 05 – Documentário Infância e Juventude

Edital nº 06 – Jogos Eletrônicos

Edital nº 07 – Narrativas Transmídia para Infância (curta animação + game)

Edital nº 08 -  Narrativas Transmídia para Infância (série + game)

Edital nº 09 – Desenvolvimento de Projetos para Infância

Edital nº 10 - Desenvolvimento de Projetos 200 Anos

Edital de Investimento em Mostras e Festivais

Edital nº 11 – Fomento à realização de festivais, mostras, premiações, eventos de mercado e ações de promoção/difusão da produção audiovisual nacional

Lei Rouanet - Admissibilidade

Atua no recebimento e análise das propostas para captação de recursos incentivados via Lei Rouanet específicos da área Audiovisual, executando no sistema SALIC as atividades de admissibilidade, acompanhamento de análise técnica (pareceristas), acompanhamento da CNIC, publicação da aprovação no DOU e análise de recursos.

O sistema recebe novas propostas no período de 01/02 a 30/11 do ano vigente.

 

Emendas Parlamentares

Emenda parlamentar é o instrumento que o Congresso Nacional possui para participar da elaboração do orçamento anual.

Por meio das emendas os parlamentares procuram aperfeiçoar a proposta encaminhada pelo Poder Executivo, visando uma melhor alocação dos recursos públicos. É a oportunidade de acrescentarem novas programações orçamentárias com o objetivo de atender as demandas das comunidades que representam.

As emendas apresentadas ao Ministério da Cultura (MinC) são distribuídas pela Assessoria Parlamentar do MinC para as áreas responsáveis pela sua execução.

Convênios, Termos de Fomento e Termo de Execução Descentralizada (TED)

Instrumentos que disciplinam a transferência de recursos financeiros de órgãos ou entidades da Administração Pública Federal, direta ou indireta, visando à execução de projeto ou atividade de interesse recíproco, em regime de mútua cooperação.

No caso de convênios, as transferências são realizadas para órgãos ou entidades da Administração Pública Estadual, Distrital ou Municipal, direta ou

Indireta ou consórcios públicos.

No caso de Termo de Fomento as transferências são realizadas para entidades privadas sem fins lucrativos.

E, no caso de TED são transferências de órgãos da União para outros órgãos da mesma esfera.

 

Coordenação-Geral de Acompanhamento e Prestação de Contas:

Ação 

Detalhamento

Editais 

Acompanhamento de projetos realizados com recursos diretos mediante seleção pública.

Lei Rouanet - Acompanhamento

Acompanhamento de projetos realizados via Lei Rouanet, com recursos do Incentivo Fiscal Federal

Lei Rouanet - Prestação de Contas

Análise de Prestação de Contas de Projetos realizados via Lei Rouanet, com recursos do Incentivo Fiscal Federal. A análise inclui parecer de cumprimento de objeto e análise financeira.

Convênios, TEDs e Termos de Fomento

Acompanhamento e Análise de Prestação de Contas de projetos de Convênios, TEDs e Termos de Fomento.

 

Coordenação-Geral de Preservação, Memória e Difusão:

Ação

 Detalhamento

Revista Filme Cultura

A revista Filme Cultura foi lançada em 1966, porém com várias pausas durante esses mais de 50 anos. Em 2017, a revista foi retomada, apostando em um novo modelo, que fosse mais sustentável e que desse a possibilidade de ampliar as vozes da publicação. Assim, ocorreram algumas mudanças: a realização de um edital de chamada para textos, ampliando as vozes e democratizando o acesso ao ambiente da pesquisa cinematográfica brasileira; o aprofundamento da segmentação por temática a cada edição; e a valorização do portal com todo o acervo da revista.

Programadora Brasil

É o programa de acesso ao conteúdo audiovisual brasileira. Em seu primeiro formato, era realizado por meio da curadoria de programas (curtas, médias e longas) e distribuído pela mídia DVD a pontos de exibição não comercial. Este programa está em processo de reformulação.

Tainacan

Em parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG) e por meio da solução tecnológica Tainacan, a SAv vem desenvolvendo acervos digitais que permitem a democratização de conteúdos e a criação de redes do setor audiovisual. A parceria gerará três portais, de importantes programas da SAv: revista Filme Cultura, Núcleos de Produção Digital e Programadora Brasil.

GTs CSC

-Política para promoção da igualdade de gênero e raça no audiovisual

 -Preservação,  Digitalização e Difusão de conteúdo audiovisual

 

Foram instituídos pelo Conselho Superior de Cinema dois Grupos de Trabalho:

1) para promoção da igualdade de gênero e raça no audiovisual e 2) com a finalidade de formular proposta de política pública para a preservação, gestão de acervos, formação de mão de obra técnica e difusão da memória audiovisual. (Resoluções n. 4 e 5, de 6 de fevereiro de 2018)

OSCAR

Anualmente, a SAv/MinC abre as inscrições para o Processo Seletivo do candidato brasileiro ao Prêmio de Melhor Filme em Língua Estrangeira – Oscar. A composição da Comissão Especial de Seleção é feita pela Academia Brasileira de Cinema – ABC.

DOCTV América Latina

É um programa de Fomento à Produção e Difusão de Documentários latino-americanos, que ocorre de dois em dois anos, pertencente à Conferência de Autoridades Audiovisuais e Cinematográficas Ibero-americanas –CAACI-, que, junto a comissões de cinema de 18 países latino-americanos e 22 Televisões públicas integrantes da Rede DOCTV, promovem um concurso de seleção de projetos de documentários para televisão.

PROGRAMA CPLP AUDIOVISUAL

O Programa CPLP Audiovisual tem por objetivo fomentar a produção e a teledifusão de conteúdos audiovisuais nos estados membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, através da realização de um concurso internacional de seleção de projetos de documentários em Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor-Leste.

RECAM

A Reunião Especializada de Autoridades Cinematográficas e Audiovisuais do Mercosul (RECAM) foi criada pelo Grupo Mercado Comum —órgão executivo do Mercosul— com o objetivo de criar um instrumento institucional para avançar no processo de integração das indústrias cinematográficas e audiovisuais da região.

CÂMARA TÉCNICA DE ACESSIBILIDADE

A Coordenadora Sylvia Naves é a representante do MinC na Reunião da Câmara Técnica sobre Acessibilidade na ANCINE nos segmentos de distribuição e exibição cinematográfica.

GUIA PARA PRODUÇÕES AUDIOVISUAIS ACESSÍVEIS

Publicado em 2016, realizado por 14 colaboradores, traz orientações das técnicas de acessibilidade na produção audiovisual. Organizado por: Sylvia Bahiense Naves, Carla Mauch, Soraya Ferreira Alves e Vera Lúcia Santiago Araújo.

 

 Coordenação-Geral de Supervisão e Avaliação

Ação 

Detalhamento

Supervisão do Contrato de Gestão da Cinemateca Brasileira

Unidade em implantação, prevista no Decreto 9.411/2018.

- Supervisão, avaliação e monitoramento das metas pactuadas no âmbito do Contrato de Gestão.


 

Coordenação-Geral do Centro Técnico do Audiovisual (CTAv)

Ação 

 Detalhamento

Linha de Formação FSA

Trata-se do novo edital voltado especificamente para ações de formação audiovisual. O Comitê Gestor do FSA aprovou 17,5 milhões de reais para investimentos em formação no Plano Anual de Investimentos. O CTAv será a unidade da SAV responsável por gerir o edital, numa governança compartilhada com a ANCINE.

Rede Nacional de Núcleos de Produção Digital

Trata-se de uma rede de 25 Núcleos distribuídos nas 5 regiões do país, sendo a maior parte (32%) no Nordeste. Os Núcleos possuem diferentes vocações e funcionalidades, além de estarem alocados em diferentes instituições tais como Institutos Federais, Secretarias de Cultura etc. Em junho de 2018 a SAv transferiu a gestão dos NPDs para o CTAv.

Elaboração do Estudo "Mapeamento da Formação Audiovisual no Brasil"

O CTAv está produzindo um mapeamento dos cursos e ações de formação audiovisual já existentes no Brasil, interagindo assim com as instituições e empresas, gerando dados que subsidiem a execução da Linha de Formação do FSA, e identificando as principais demandas e lacunas regionais para atuação direcionada do Poder Público.

CTAv de Portas Abertas

Faculdades, cursos e instituições podem solicitar visita guiada interativa no CTAv. Os participantes são apresentados aos processos envolvidos no fazer cinema, desde a época analógica até o digital, tendo contato com diversos equipamentos e materiais como negativo perfurado, truca, moviola, mesa de som e câmeras profissionais.

Parceria FIRJAN

No dia 04 de julho aconteceu no CTAv o lançamento do Programa de Capacitação em Economia Criativa, num evento para mais de 200 pessoas, quando foi anunciada a nova parceria entre o Ministério da Cultura e o Ministério de Segurança Pública. Por meio desse programa serão investidos 22 milhões de reais em cursos para mais de 8 mil jovens de comunidades carentes do Rio de Janeiro. Os cursos serão oferecidos pela Firjan e uma parte será realizada no CTAv, que acompanhará também toda a execução do projeto.

Cursos CTAv

Em 2018 o CTAv assumiu a sua vocação como um polo de formação e desenvolvimento da produção independente. Em maio foram realizadas as primeiras oficinas e um curso de Produção Sonora para Audiovisual na sede do CTAv, além de oficinas com técnicos da casa em Curitiba em junho. As oficinas realizadas no CTAv receberam quase 300 inscrições em uma semana.

Apoio técnico

O CTAv oferece apoios técnicos gratuitos de Empréstimo de Equipamentos, Mixagem e Utilização da Cabine de Cinema mediante solicitação via site. Todos os formulários são recebidos por uma Comissão de Seleção, que é responsável por examinar os projetos considerados habilitados, e selecionar aqueles que serão atendidos no respectivo Período de Serviços. Os apoios priorizam projetos de diretores e produtores estreantes, de baixo orçamento

Prêmio CTAv

Iniciativa criada em 2009 para apoiar mostras e festivais nacionais. Na forma de um certificado, a premiação pode abranger serviços gratuitos de mixagem ou empréstimo de equipamentos, sendo entregue por um representante do CTAv ao(s) vencedor(es) eleito(s) pela comissão julgadora do festival apoiado.

Programa de Formação do Olhar / Difusão

Programa voltado às escolas da rede de ensino público do Rio de Janeiro. Consiste na abertura do espaço e disponibilização de conteúdo do acervo CTAv para os estudantes, por meio da oferta de oficinas de som e animação de cinema e da projeção de filmes. A partir de uma parceria com a representação regional do Ministério da Cultura o transporte é disponibilizado para buscar e levar as crianças e jovens nas escolas.

10ª APEX – Audiovisual Preservation Exchange

Em junho o CTAv recebeu um grupo de 10 alunos e professores da New York University, que estiveram no Rio de Janeiro em função do Audiovisual Preservation Exchange (APEX) 2018. Foram dias muito intensos e produtivos, preenchidos com atividades de trabalho, palestras e workshops. Os visitantes colocaram a "mão na massa", o que possibilitou avanços na organização dos materiais magnéticos do acervo CTAv. Além disso, foi possível conhecer um pouco mais sobre outros arquivos audiovisuais e cinematecas da América Latina, e sobre o ensino da preservação audiovisual em instituições internacionais.

Rede de Salas Digitais

Em fevereiro o CTAv assumiu a gestão da Rede de Salas Digitais da Recam. O Brasil possui 10 salas distribuídas pelo país, porém ainda estão em fase de implantação.

Produção projetos Pílulas e Memória

O CTAv possui um parque tecnológico que possibilita a produção de conteúdo in house. Esse ano foram produzidas entrevistas com técnicos da casa e com personalidades do setor audiovisual, gerando um material riquíssimo e inédito.

Interlocução com instituições do setor audiovisual

Nos últimos 6 meses o CTAv promoveu a interlocução com diversas entidades, associações, universidades, cursos etc. Citamos como exemplos a BRAVI, APRO, ABC, Centro Afro Carioca de Cinema, Centro Cultural da Justiça Federal, dentre outros.

Animação

O CTAv possui um estúdio de animação equipado com mesas de desenho, computadores e truca (desativada). Atualmente o estúdio de animação abriga um estagiário residente para desenvolver projetos e tecnologias experimentais.