Educação e Cultura

Atualizado em 04.07.2014

O que é?

O Programa foi recentemente criado em 2011, no âmbito da Secretaria de Políticas Culturais, e ainda está em fase de implantação, porém a definição da missão e das ações a serem implantadas, estão em fase de execução.

Desenvolver uma Política Nacional de Integração entre Educação e Cultura que promova o reconhecimento das artes como campo do conhecimento e dos saberes culturais como elemento estratégico para qualificação do processo cultural e educativo.

Formar educadores, gestores e agentes de desenvolvimento cultural, neste contexto em que estes reinvindicam além dos cursos, também os conteúdos e metodologias , implica dotar aos participantes desse processo formador a pertença a ação educativa em que tornam-se  corresponsáveis a todo processo da fomação dando-lhe  uma compreensão mais aprofundada de como se processa e funcionam as entidades educacionais, tornando-lhe também mais crítico do que sejam as instituições educativas,  da sua construção histórica e organizacional, assim podendo contribuir com os avanços dessas próprias instituições, possibilitando novas perspectivas sócioeducativas ampliando possibilidades para a atuação das comunidades e organizações sociais e culturais dentro dos espaços educativos formais e acadêmicos e também abrindo uma questão que antes não era abordada, sobre o  papel das organizações culturais populares no sistema educacional.

Parcerias

Foi firmada parceria por meio de Acordo de Cooperação Técnica no. 001/2011, entre os Ministérios da Cultura e da Educação que assumiram o desenvolvimento de ações conjuntas para a implementação de uma Política de Cultura para a Educação básica, com vistas a fazer da escola o grande espaço para a circulação da cultura brasileira, acesso aos bens culturais e respeito à sua diversidade.  No decorrer de 2012, serão iniciadas as seguintes ações prioritárias.

Ações prioritárias

Quanto à Educação

1. Mais Cultura nas Escolas: Sua finalidade é fomentar ações que promovam o encontro entre o projeto pedagógico de escolas públicas e experiências culturais e artísticas em curso na comunidade local, potencializando a participação destas no processo de aprendizado escolar e ampliando os agentes sociais responsáveis pela melhoria da educação pública.

2. Agentes de Leitura Mais Educação: Esta ação irá desenvolver atividades de formação leitora (oficinas, saraus literários, contação de histórias, etc.) para estudantes e suas famílias.

3. Cine Educação: Esta ação promoverá a formação de professores e o a disponibilização de 100 títulos da filmografia brasileira, para 1.000 escolas participantes dos programas Mais Educação e Escola Aberta do MEC.

4. Pesquisa, mapeamento e georreferenciamento: Esta ação está voltada para o estudo, mapeamento e georreferenciamento de escolas e espaços culturais, com foco na promoção da interface entre Cultura e Educação.

5. Programa Nacional Biblioteca da Escola – PNBE/ARTES: Este programa prevê um edital especifico para aquisição de acervos de livros de arte e mídias diversas (discografia, filmografia, entre outros) para professores e estudantes de todas as escolas públicas.

6. Formação continuada para professores de artes: O intuito desta ação é desenvolver, em consonância com as políticas de incentivo à formação pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – CAPES e Secretaria de Educação Básica.

Responsável: Secretaria de Políticas Culturais – SPC