Notícias em destaque

Livros online gratuitos para entender o Brasil

15.03.2016 – 14:51 atualizada às 17:43  
Ministro Juca Ferreira e Paulo Ribeiro, presidente da Fundação Darcy Ribeiro, acertam parceria (Foto: Janine Moraes)
 
 
O lançamento da versão online de uma coleção de 50 livros sobre o Brasil e o uso de um espaço para atividades de ensino à distância foram os assuntos debatidos nesta terça-feira,15, na sede do Ministério da Cultura, em Brasília, entre o ministro Juca Ferreira e o presidente da Fundação Darcy Ribeiro, Paulo Ribeiro.
 
Para reativar a parceria entre as duas instituições, Ribeiro ofereceu ao MinC o Beijódromo, espaço que compõe o Memorial Darcy Ribeiro, instalado dentro do campus da UnB (Universidade de Brasília), para ser usado pelo Ministério em atividades de ensino à distância. O prédio abriga o acervo do antropólogo, educador e primeiro reitor da UnB, Darcy Ribeiro (1922-1997). Dirigentes do MinC deverão se reunir com a equipe da Fundação para definir quais cursos poderão ser ministrados, utilizando o local como referência. 
 
Além disso, a Fundação e MinC deverão realizar, no Rio de Janeiro, ainda este semestre, o lançamento da versão online e gratuita de 50 livros que tratam das história do Brasil, que compõem o projeto Biblioteca Básica Brasileira. Os livros ficarão à disposição do público em um site para download gratuito. Essas 50 obras fazem parte de um projeto idealizado na década de 1960 pelo então reitor da UnB, Darcy Ribeiro, retomado em 2012 – ano do cinquentenário da universidade. A proposta original previa a publicação de 100 obras, 10 a cada ano, com tiragem de 15 mil exemplares, com distribuição gratuita para todas as bibliotecas públicas do país, universidades e centros de pesquisas.
 
"A ideia dele era de selecionar, com mais de 200 intelectuais que participaram da criação da Universidade de Brasília, 100 títulos fundamentais para se conhecer em profundidade o Brasil. Isso foi em 1962. Em 1963, ele virou ministro da Educação e lançou os 10 primeiros livros. Só que teve o golpe e (o projeto) foi interrompido. Só foram lançados os 10 primeiros. Quando a UnB completou 50 anos, um dos projetos era realçar o espirito da época e relançar a coleção Biblioteca Básica Brasileira. Com o apoio do MinC, por meio da Lei Rouanet, nós lançamos os 50 livros (primeiros). Foram duas mil coleções impressas e distribuídas e, agora, elas serão disponibilizadas em formato PDF, de graça", afirmou Paulo Ribeiro. 
 
O projeto contou com patrocínio dos Correios e da Petrobras, além da participação da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), entidade vinculada ao MinC, e da Editora Universidade de Brasília. 
 
Coleção
 
Os livros, agregados em grandes temas como O Brasil e os brasileiros; Os cronistas da edificação; Cultura popular e cultura erudita;  Estudos brasileiros e Criação literária são encontrados nas obras literárias e científicas produzidas no e sobre o Brasil a partir do século XVI. Entre os autores presentes na coleção, estão Alcantara Machado, Euclides da Cunha, Hans Staden, Lima Barreto, Manuel Bonfim, Joaquim Nabuco, Rui Barbosa e Visconde de Taunay.
 
 
Camila Campanerut 
Assessoria de Comunicação 
Ministério da Cultura