MinC e Nações Unidas discutem papel das políticas culturais

 


06.07.2018 - 12:30  

 

A relevância da cooperação internacional em cultura será tema do II Colóquio Gestão da Cultura, que acontece na quinta-feira (12/7), às 14h30, no auditório da Fundação Casa de Rui Barbosa. A atividade, organizada pela Cátedra Unesco de Políticas Culturais e Gestão da FCRB, discutirá o papel das políticas culturais na Agenda de Cooperação em Cultura do Ministério da Cultura, na Agenda 2030 das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável e na Nova Agenda Urbana.

O diretor de Promoção Internacional do Ministério da Cultura, Adam Muniz, apresentará aspectos da agenda de cooperação internacional do MinC. Também haverá exposições de Rayne Ferreti, oficial da ONU Habitat para o Brasil, que discutirá os aspectos culturais na Nova Agenda Urbana; e de Isabel de Paula, coordenadora de Cultura a.i. da Unesco no Brasil, convidada a falar sobre a importância da cooperação cultural. As apresentações serão seguidas de debate.

O II Colóquio Gestão da Cultura compreende que a cultura em seu aspecto amplo — enquanto conjunto de traços característicos de uma sociedade, como o modo de vida, os direitos fundamentais, o sistema de valores, as tradições e crenças — tem papel primordial na construção de soluções para os problemas do mundo contemporâneo. 

As discussões do colóquio também têm em vista a Agenda 2030 das Nações Unidas, que abrange 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e 169 metas, os quais buscam concretizar os direitos humanos e alcançar a igualdade de gênero até 2030. Trata-se de um plano de ação global, que envolve países e demais partes interessadas, na promoção do desenvolvimento sustentável. 

A entrada para o evento é gratuita e não é necessária inscrição prévia. Os participantes podem solicitar certificado.

FCRB - A Fundação Casa de Rui Barbosa (FCRB), vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), realiza atividades de preservação e divulgação do legado de Rui Barbosa. É também um espaço destinado ao trabalho intelectual, com formação, conservação e difusão de acervos bibliográfico, documental e arquitetônico.

Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura