« Voltar

Ministério da Cultura libera recursos para o projeto Observa SNC

10.08.2016 – 11:20
 
O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Articulação Institucional (SAI), liberou recursos para o lançamento do projeto Observa Sistema Nacional de Cultura (SNC), que pretende criar um ambiente virtual para promover o desenvolvimento estruturado das ações voltadas para a qualificação da gestão cultural de estados e municípios brasileiros. 
 
O programa será desenvolvido em parceria com a Escola de Administração da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Os professores escolhidos para coordenar o programa devem iniciar, na próxima semana, as atividades previstas no plano de trabalho elaborado pelo Ministério da Cultura.
Observa SNC
 
O projeto funcionará como uma espécie de banco de dados sobre os gestores estaduais e municipais que participaram dos cursos de qualificação promovidos pelo MinC no Programa Nacional de Qualificação e Fortalecimento do Sistema Nacional de Cultura, em funcionamento desde 2009. "Serão lançados, no Observa SNC, dados sobre os cursos, sobre os gestores, além de outras informações coletadas pelo Centro de Estudos Internacionais Sobre o Governo (Cegov). A plataforma permitirá ainda uma melhor articulação do Ministério da Cultura com as universidades parceiras", afirmou Luisa Galiza, Coordenadora Geral Interina de Instrumentos de Gestão do SNC.
 
De acordo com a SAI, a estratégia de trabalho foi definida dentro de três eixos: Institucionalização da Rede Acadêmica, Desenho dos Conteúdos do Observatório e Sensibilização da Comunidade Acadêmica para a Composição das Redes. Em linhas gerais, os eixos vão analisar o modelo de gestão, fazer um diagnóstico de demandas e vocações, criar um ambiente virtual interativo que possa estabelecer a comunicação entre pesquisadores e integrantes da Rede Observa, a formação de um Cadastro Nacional de Gestores, entre outros aspectos.
 
O sistema deverá ainda permitir uma difusão de metodologias de qualificação para outras instituições de nível superior, permitindo um processo mais descentralizado de formação de gestores de cultura. 
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura