« Voltar

Ministro Sá Leitão inaugura exposição de cartas originais de Dom Pedro II no Museu Imperial, em Petrópolis

 
4.12.2017 - 9:15  
Carta de Dom Pedro II (Reprodução)
 
 
O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, inaugura nesta segunda-feira (4/12), no Museu Imperial, em Petrópolis (RJ), a exposição Missivas Imperiais: cartas de Dom Pedro II. Serão expostas ao público cinco cartas originais do último imperador brasileiro. Elas foram doadas pelo presidente russo, Vladimir Putin, ao presidente Michel Temer durante visita oficial à Rússia em junho deste ano.
 
Coordenado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), instituição vinculada ao Ministério da Cultura (MinC), o Museu Imperial é o principal atrativo turístico da cidade de Petrópolis. Tem como sede o antigo Palácio Imperial de Petrópolis, residência de verão de Dom Pedro II entre 1849 e 1889. Ao redor da edificação, cresceu a cidade fluminense.
 
Entre os documentos presentes na exposição Missivas Imperiais está uma carta oficial de Dom Pedro II ao cardeal Giuseppe Bofondi, secretário de Estado da Santa Sé no pontificado do Papa Pio IX, datada de 30 de junho de 1862. Também está na exposição carta oficial endereçada ao cunhado do imperador, o príncipe Francesco di Paola Luigi Emanuele de Bourbon-Duas Sicílias, conde de Trápani, datada de 30 de maio de 1855, felicitando-o pelo nascimento da filha.
 
Carta enviada por Dom Pedro II, em 20 de julho de 1890, ao membro do Instituto da França René François Armand (Sully) Prudhomme complementa o acervo do museu. No texto, o imperador manifesta interesse em obter uma cópia do poema Le Bonheur, de autoria de Prudhomme. A resposta do francês, datada de 26 de julho de 1890 faz, já faz parte do arquivo do Museu Imperial desde 1948, quando foi doado pelo príncipe Dom Pedro Gastão de Orléans e Bragança, bisneto do imperador. Prudhomme foi o primeiro ganhador do prêmio Nobel de Literatura, em 1901.
 
A exposição ficará em cartaz de 5 de dezembro de 2017 a 4 de março de 2018 e pode ser visitada de terça a domingo, das 11h às 18h, com entrada a R$ 10 (inteira).
 
O Museu Imperial foi criado pelo presidente Getúlio Vargas e aberto à visitação pública em 16 de março de 1943 com um significativo acervo e uma diversificada exposição. O prédio onde está sediado, do antigo Palácio Imperial de Petrópolis, foi adquirido pela União em 1939. Ao longo das últimas sete décadas, acumulou expressivos conjuntos documentais, bibliográficos e de objetos, totalizando um acervo de cerca de 300 mil itens. 
 
Serviço
Exposição Missivas imperiais: cartas de Dom Pedro II
Local: Museu Imperial
Endereço: Rua da Imperatriz, 220 – Centro – Petrópolis – RJ
Visitação: De 5 de dezembro a 4 de março, de terça a domingo
Horário: Das 11h às 18h
Ingressos a R$ 10 (inteira)
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura