Notícias em destaque

Programa Amazônia Cultural

03.01.2014

Foi publicado o resultado final da fase de habilitação do edital Amazônia Cultural. Somam R$ 5.961.587,57 milhões os 88 projetos habilitados que seguem para a fase da avaliação e seleção, etapa em que o mérito dos projetos será analisado.

As propostas que haviam sido inabilitadas, quando da publicação do resultado preliminar, cujos proponentes encaminharam pedido de reconsideração dentro do prazo previsto, tiveram seus pedidos analisados. Caso tenha entrado com pedido de reconsideração, verifique se este foi aceito e se sua proposta está habilitada a participar da fase de avaliação e seleção.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES – FASE DE AVALIAÇÃO E SELEÇÃO

As propostas habilitadas, conforme resultado final, irão participar da próxima fase do edital, ou seja, fase de avaliação e seleção. Confira abaixo o que dispõe o edital (grifos nossos):

11. FASE DE AVALIAÇÃO E SELEÇÃO

11.1 Todas as propostas habilitadas participarão desta etapa, receberão número de cadastro no Programa Nacional de Apoio à Cultura –PRONAC e passarão a ser denominadas "projetos".

11.2 Nesta etapa serão verificados o mérito, a qualidade e a relevância da proposta aprovada na etapa de habilitação.

11.3 A pontuação servirá como base para que a Comissão de Avaliação possa determinar a classificação dos projetos.

11.4 A pontuação final de cada projeto será igual à média da somatória dos pontos atribuídos pelos 2(dois) avaliadores.

11.5 Os projetos serão analisados por Comissão de Avaliação e Seleção constituída exclusivamente para este certame.

11.6 Cada projeto será analisado por dois Comissários, sendo um do estado de origem do projeto e um de estado distinto.

11.7 O resultado preliminar da fase de avaliação e seleção será divulgado exclusivamente no sítio eletrônico do MinC (www.cultura.gov.br) , em até 20 (vinte) dias após a divulgação do resultado final da fase de habilitação.

Para saber mais, consulte o edital.

Mais informações sobre o resultado aqui.

Fonte: Representação Regional Norte do Ministério da Cultura
Edição: Ascom/MinC