Por Dentro do Ministério

« Voltar

9ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos aborda os 50 anos do golpe militar

 
Dezenas de filmes da África, da América do Sul e da Ásia compõem 9ª Mostra de Cinema e Direitos Humanos (9MCDH), que estreia em Brasília no próximo dia 3, no Cine Brasília, a partir das 18h, e passará por todos os estados do país. Com entrada franca, a mostra é uma realização do Ministério da Cultura (MinC) em parceria com a Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR).
 
O evento subdivide-se em três: a mostra competitiva, a seção "Memória e Verdade" e o projeto "Inventar com Diferença".
 
A mostra competitiva reúne 24 filmes da Ásia e da África, além de obras da América do Sul. O objetivo dos organizadores é ampliar o diálogo entre países do Hemisfério Sul pela ótica dos Direitos Humanos. 
 
A seção "Memória e Verdade" tem como tema os 50 anos do golpe militar e sua repercussão nos dias de hoje. A cineasta Lúcia Murat é a homenageada desta edição, que exibe em sua abertura o filme "Que Bom te Ver Viva" (1989), segundo trabalho da diretora e o primeiro dela realizado após o fim da ditadura. Outros três obras da cineasta também integram a programação: "Doces Poderes" (1996), "Brava Gente Brasileira" (2000) e "Uma Longa Viagem" (2011).
 
O projeto "Inventar com Diferença" apresenta sete filmes realizados por crianças de escolas públicas de todo o Brasil. Cerca de 5400 professores receberam formação audiovisual com quatro estudantes de graduação de cinema para desenvolver com seus alunos trabalhos audiovisuais com a temática: cinema, educação e direitos humanos.
 
O diferencial da mostra é o projeto "Democratizando", que abre inscrições para qualquer coletivo, como Pontos de Cultura, cineclubes, escolas e outros estabelecimentos em condições de realizar exibições cinematográficas. Essas instituições podem receber, pelo correio, kit com a programação completa da 9ª MCDH.
 
Para participar, os responsáveis por essas instituições devem preencher um cadastro no site oficial da Mostra. Cada inscrito receberá um kit com seis filmes: "A Vizinhança do Tigre", de Affonso Uchoa; "Rio Cigano", de Julia Zakia; "Sophia", de Kennel Rógis; "Cabra Marcado para Morrer", de Eduardo Coutinho; "Que Bom Te Ver Viva", de Lúcia Murat e "Pelas Janelas", de Carol Perdigão, Guilherme Farkas, Sofia Maldonado e Will Domingos. 
 
A programação da 9MCDH segue de 26 a 30 de novembro no CCBB de Brasília e em mais 26 capitais.
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura