Notícias

« Voltar

MinC e Funarte firmam acordo para revitalizar salas

01.09.2017 - 11:30   
"É preciso colocar os espaços em funcionamento", Stepan Nercessian, presidente da Funarte (Foto: Edson Leal / Ascom MinC)
 
 
O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Infraestrutura Cultural (Seinfra/MinC), e a Fundação Nacional de Artes (Funarte) desenvolverão ações conjuntas para revitalizar a Sala Cássia Eller e a Sala de Dança Klauss Vianna. Ambas fazem parte do Complexo Cultural da Funarte em Brasília (DF). O acordo de cooperação técnica foi firmado pelo presidente da Funarte, Stepan Nercessian, e pela secretária de Infraestrutura Cultural interina, Simone Colen, em 24 de agosto, e o extrato do acordo foi publicado no Diário Oficial da União da última quinta-feira (31).
 
"A iniciativa faz parte da decisão que tomamos na Funarte de que é preciso, antes de fomentar as artes, colocar os espaços em funcionamento", afirmou Stepan Nercessian. "As salas são muito representativas. A da Cássia Eller, por exemplo, tem importância para música brasileira e não tinha sentindo ficar fechado", completou.
 
Simone Colen lembra que a Seinfra, nova Secretaria criada pelo Ministério da Cultura, tem como objetivo a reforma, a modernização e a construção de equipamentos culturais em todo o país. "A ideia é começar pelos equipamentos do próprio MinC, mas vamos estender esta ação para os municípios por meio de  parcerias que  já existem com as prefeituras e com outras que criaremos com os parlamentares", afirma a secretária de Infraestrutura do MinC . Segundo ela, além do Complexo Funarte Brasília, o prédio da Representação Regional do Ministério da Cultura em São Paulo também está em processo de reforma. 
 
O coordenador de Difusão Cultural da Fundação Nacional de Artes (Funarte) em Brasília, João Carlos Corrêa, também comemorou. "Esse acordo é um marco para a cultura de Brasília", avaliou. "Ter assegurada a reforma de nossos espaços de música e de dança na Funarte é o reconhecimento de sua importância. É devolver à cena e à cidade nossos artistas e o melhor de seu trabalho. Faz valer toda a luta para chegarmos a esse momento histórico", contou.

Os espaços

A sala Cássia Eller, aberta em 1977, foi palco de importantes nomes da música popular brasileira e do projeto Pixinguinha da Funarte. Desde 2016, no entanto, está fechada ao público por falta de condições de uso. Entre os problemas apresentados estão a presença de goteiras, cadeiras quebradas e banheiros antigos.
 
A Sala Klauss Vianna é um espaço voltado para dança, que também contempla oficinas e ensaios desse setor. Entre os problemas apresentados estão infiltrações, espelhos velhos, lajes corroídas, entre outros.
 
Com o acordo, a expectativa é que haja um levantamento detalhado do que será necessário reformar.
 
Assessoria de Imprensa
Ministério da Cultura