Notícias

« Voltar

MinC participa de revitalização do Parque Nacional dos Guararapes

 
 
16.05.2017 - 15:14  
Para ministro Roberto Freire, Parque Nacional dos Guararapes é um marco da brasilidade e da unidade nacional (Foto: Edson Leal/Ascom/Minc)
 
 
Em visita a Pernambuco, nesta segunda-feira (16), o ministro da Cultura, Roberto Freire, destacou a importância histórica e cultural da revitalização do Parque Nacional dos Guararapes, no município de Jaboatão dos Guararapes. Ele falou sobre o assunto durante cerimônia realizada no local, com a presença do ministro da Defesa, Raul Jungmann, e demais autoridades.
 
A cerimônia foi um desdobramento do evento realizado na última quinta-feira (11), no QG do Exército, em Brasília (DF).  Na ocasião, decreto assinado pelo presidente Michel Temer determinou o processo de revitalização do parque. O documento também instituiu o Comitê Interministerial para a revitalização do Parque Histórico Nacional dos Guararapes, no âmbito dos Ministérios da Defesa e da Cultura e destinou R$ 5 milhões para o projeto.

Patrimônio maior

O ministro da Cultura, Roberto Freire, lembrou que o local é um marco da brasilidade e  da unidade nacional. "A batalha dos Guararapes nos legou isso. Aqui é um patrimônio maior dos brasileiros. Por decisão do presidente Michel Temer foi constituído esse comitê interministerial para que aqui construamos o futuro digno da nossa cultura e da formação da identidade de nosso povo", ressaltou.
 
Para o ministro da Defesa, "é da maior importância exaltar e construir, juntamente com o Comando do Exército, com o Ministério da Cultura, o Ministério da Defesa e o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), algo que é devido à memória dos que lá tombaram".

O parque
 
Tombado pelo Iphan, o Parque foi palco de um dos mais importantes episódios da história nacional: a Batalha dos Guararapes (1648-1649), confronto entre portugueses e holandeses pelo controle de parte do Nordeste. Criado em 1971, o Parque conta com uma área de 3,63 quilômetros quadrados, parte dela sob a responsabilidade do Exército. O local também é sede da Igreja de Nossa Senhora dos Prazeres dos Montes Guararapes, templo barroco que guarda os restos mortais dos heróis das lutas travadas no local. 
 
Assessoria de Comunicação Social
Ministerio da Cultura
Com informações do Ministério da Defesa