O Dia do Ministro

« Voltar

Gibi sobre Marechal Rondon reúne ministros da Cultura e Educação

 
 
30.8.2017 - 10:57  
Ministros Mendonça Filho e Sérgio Sá Leitão conheceram publicações sobre Marechal Rondon produzidas pela secretaria de Cultura de Mato Grosso (Foto: Janine Moraes/Ascom MinC)
 
 
O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, se reuniu nesta terça-feira (29) com o ministro da Educação, Mendonça Filho, para conhecer publicações sobre Marechal Rondon produzidas pela secretaria de Cultura de Mato Grosso em homenagem aos 150 anos do Patrono das Comunicações, comemorados em 2015. A ideia é que as obras sejam distribuídas em escolas públicas do País. 
 
Também presente à reunião, o secretário de Cultura do estado de Mato Grosso, Leandro Carvalho, ressaltou a parceria com o Instituto Mauricio de Sousa na produção de um dos livros: As Aventuras de Rondon. Na publicação, em formato de gibi, os personagens da Turma da Mônica embarcam nas aventuras de Rondon pelo Brasil em expedições de implantação da política nacional indigenista e em busca do Rio da Dúvida, realizada ao lado do presidente americano Theodore Roosevelt. 
 
Com foco em alunos com idade entre 6 e 12 anos, o trabalho inclui material e capacitação para os professores da rede pública, para que os profissionais aprofundem o conhecimento sobre Rondon e utilizem o conteúdo de maneira criativa.  
 
Para o secretário Leandro Carvalho, a interface da cultura com a educação pode ser determinante para o aprimoramento do ensino. "O livro ilustrado e o Manual do Professor darão subsídios a educadores das mais diversas disciplinas para seus conteúdos programáticos. Além das disciplinas de história e geografia, outras, como biologia, química e física, terão no livro fonte de informações graças aos diversos interesses e pesquisas que o Marechal realizou em vida", aponta.
 
Já a segunda obra – O Brasil pelos Brasileiros – reúne, em um só volume, 86 relatórios produzidos pela Comissão Rondon ao longo de mais de meio século de trabalho. O livro está disponível em versão .pdf e pode ser consultado on-line.
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura