O Dia do Ministro

« Voltar

Ministro da Cultura visita Cidade do Rock

 

 

03.09.2017 - 20:15  

Rock in Rio integra calendário de eventos do programa governamental Rio de Janeiro a Janeiro (Foto: Acácio Pinheiro/Ascom MinC)
 

O ministro da Cultura, Sérgio Sá Leitão, esteve na Cidade do Rock, local onde será realizada a edição de 2017 do festival Rock In Rio. A visita foi na manhã deste sábado (2). Com expectativa de público de mais de 100 mil pessoas a partir do próximo dia 15 de setembro, o evento é uma das atrações do calendário de centenas de projetos estratégicos com alto potencial de geração de emprego e renda que participam do programa Rio de Janeiro a Janeiro do Governo Federal.

"É preciso pensarmos a Cultura pelo seu lado econômico, a partir da geração de recursos e empregos na realização dos eventos", defendeu Sá Leitão. A estrutura do Rock in Rio foi apresentada ao ministro pelo vice-presidente do festival, Rodolfo Medina, e pelo CEO da empresa realizadora do evento, Duda Magalhães. A secretária-executiva do Ministério da Cultura, Mariana Ribas, também participou da visita.

A Cidade do Rock ocupa praticamente a metade do complexo do Parque Olímpico, no Rio de Janeiro, e reúne dois palcos, praça de alimentação e tenda de música eletrônica, dentre outros espaços de diversão e entretenimento. Segundo os organizadores do evento, cerca de 60% das pessoas que irão assistir aos shows virão de fora do Rio de Janeiro. Para trabalhar no local, foram contratados 14 mil trabalhadores de diversas áreas. 

Rio de Janeiro a Janeiro

O MinC, ao lado dos Ministérios do Turismo e do Esporte e da Empresa de Turismo do Município do Rio de Janeiro (RioTur), coordena o eixo Emprego e Renda do programa Rio de Janeiro a Janeiro. O grupo foi criado pelo Governo Federal como uma maneira de incentivar a economia da cidade e do estado.

O apoio para a continuidade do Carnaval da cidade também faz parte dessa agenda e as possibilidades de fontes para investir os recursos necessários ao evento estão sendo avaliadas. Até o momento, a Caixa Econômica Federal irá patrocinar R$ 8 milhões via Lei Federal de Incentivo à Cultura, popularmente conhecida como Lei Rouanet. 

Estudo da Fundação Getúlio Vargas defende que um aumento de 20% no turismo local é capaz de incrementar em R$ 6 bilhões o produto Interno Bruto (PIB) do estado. Outro levantamento da Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) mostra que a economia da cultura responde por 4,1% do Produto Interno Bruto (PIB) do estado, valor superior à média nacional, de 2,64% do PIB.

Assessoria de Comunicação Social
Ministério da Cultura