Cultura nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos

« Voltar

Orquestra e coral animam a passagem da tocha por SP

21.07.2016 - 18:25
 
  Coral da terceira idade com mais de 150 vozes se apresentará durante a passagem da tocha por Praia Grande (Foto: Divulgação)
 
 
Nesta sexta-feira (22), a tocha chega a mais quatro cidades de São Paulo: Praia Grande, São Vicente, Santos e Guarujá. Além das belas praias do litoral paulista, a passagem da chama representa a oportunidade de valorizar e de divulgar iniciativas culturais realizadas em alguns desses municípios.
 
É o caso da Orquestra Sinfônica Arpejo, em Praia Grande. Por lá, cerca de 40 músicos tocarão repertório variado, composto de músicas contemporâneas e temas esportivos.  Instrumentos de corda, flauta, saxofone e trompete, entre outros, animarão o público durante a passagem da tocha.
 
A orquestra, que integra a Associação Cultural Arpejo, surgiu há cerca de 2 anos por iniciativa do atual maestro, Ezequiel Ferreira da Silva. "Como a cidade não tem orquestra municipal e eu já tocava em outros locais, levantamos a ideia e apareceram pessoas interessadas. Então começamos a reunir pessoas que tocavam individualmente", conta. O maestro está "radiante" com a oportunidade e a responsabilidade de tocar nesta sexta-feira: "A música e a cultura estão envolvidas no esporte. Para nós, a música tem um elo com as Olimpíadas".
 
A orquestra promove diversas atividades na cidade, como o projeto "Embarque na Música", em que o grupo toca no final do ano em terminais rodoviários. "Isso chama muito a atenção das pessoas. É preciso sair do teatro e se aproximar do público, a músiva é para todos", completa.
 
Além da orquestra, a cidade será palco para um coral da terceira idade com mais de 150 vozes, que cantará o Hino Nacional.  Os cerca de 150 integrantes fazem parte de diferentes grupos de corais, atividades mantidas pela prefeitura nos espaços Conviver do município, dedicados à terceira idade.
 
"O grande objetivo é trazer essa alegria para a terceira idade. Essa é uma ocasião especial, porque não é em qualquer momento que você consegue juntar todos os grupos de corais", conta o maestro Fernando Lopes Torres, que irá reger as 150 vozes nesta sexta.
 
Após passar por Praia Grande e cidades litorâneas, a chama chegará, no sábado (23), a Guarulhos, São Caetano do Sul, Santo André e São Bernardo do Campo.

O MinC e a Tocha 

Por onde passa, a tocha chama atenção para diversas manifestações culturais locais. Atento a essas oportunidades, o Ministério da Cultura (MinC) criou o programa "Celebrações nas cidades do revezamento da Tocha Olímpica" no fim de 2015.
 
O objetivo é aproveitar o momento do revezamento da chama pelo Brasil, em que a mídia mundial está mobilizada, para divulgar nacional e internacionalmente, a diversidade cultural e as expressões artísticas existentes no país. A tocha já passou por 14 cidades que receberam o apoio do MinC. No domingo (24), será a vez de São Paulo, a última conveniada do percurso.
 
 
Assessoria de Comunicação
Ministério da Cultura