Por Dentro dos Programas

Texto dos programas da Secretaria

Programas

Festival Cultura Digital

Cartaz e convite do FestivalNeste fim de semana, 7 e 8 de março, no Circo Voador, na Lapa, no Rio de Janeiro, será realizado o 1º Festival de Cultura Digital do Rio de Janeiro. O evento, promovido pelo Pontão de Cultura Digital do Circo Voador, projeto apoiado pelo Programa Cultura Viva do Ministério da Cultura, pretende não só repensar a cibercultura, mas também expor as inovações na área. A entrada é mediante a doação de uma peça de computador, para projetos de metareciclagem, ou um quilo de alimento não perecível, ou um livro.

O Festival será aberto ao público às 15h de sábado (dia 7) e várias atividades ocorrerão de forma simultânea: Oficinas de Robótica, Computação Física e PureData, Maratona Aberta de Games Livres e o Install Fest, que contará com uma equipe especializada para orientar interessados no sistema operacional Linux - os usuários deverão trazer suas máquinas para configurar e, até mesmo, instalar softwares livres na hora.

O debate Ainda somos os mesmos e licenciamos como nossos pais? abordará assuntos como Direito Autoral, novas formas de licenciamento, novas tecnologias e generosidade intelectual.  A discussão terá a presença dos professores Sérgio Amadeu, Ivana Bentes e dos pesquisadores Thiago Novaes e Bruno 'Capi' Neyra. Ainda no dia 7, a cantora e pesquisadora Luciane Menezes realiza a oficina Danças e cantos tradicionais do Brasil: a ancestralidade da cultura livre.

A programação do primeiro dia do evento será encerrada com performances de bandas ligadas ao conceito de Cultura Livre. Os espetáculos contarão com apresentações de MC Xuparina, Seychelles, Arthur Joly, Banda Leme, B Negão e do projeto ChoroFunk, que reúne Sergio Krakowski, Sany Pitbull e convidados especiais.

Na galeria do Circo Voador, projeções variadas ganharão novas trilhas sonoras, ao vivo, pelas bandas Fabriqueta, Os Hitchcocks, Saracutica, Observatório Auditivo e Laranja Dub, que recriará a trilha sonora do clássico jogo de luta de vídeo game Street Fighter 2.

Já no domingo (dia 8), a programação começa às 14h e continua com as oficinas e maratonas. Às 16h, acontece a 'desconferência' sobre experiências e práticas de compartilhamento de bens culturais em rede e um 'papo' sobre a criação do Partido Pirata Brasileiro, com a presença de produtores independentes, midiativistas e interessados pela generosidade intelectual.

O encerramento do festival ocorrerá a partir das 19h com uma 'intervenção sonora' do artista plástico Romano. Em seguida, será exibido o longa-metragem Ressaca, de Bruno Vianna. A proposta do diretor é fazer a edição do filme diante da platéia. As últimas apresentações musicais ficam por conta das bandas MediaSana, Botânicos, Dziga Vertov e Liz Christine.

Outras informações e a programação completa: circodigital.org.br/festival e www.circovoador.com.br.

Pontão de Cultura

O Circo Voador se tornou Pontão de Cultura Digital dos estados Rio de Janeiro e Espírito Santo no final de 2007, passando a fazer parte do Programa Cultura Viva do MinC, que visa fomentar cultura digital, tecnologia, meio ambiente e cultura, dentre outros objetivos.

A iniciativa dá continuidade ao trabalho desenvolvido pela Ação Cultura Digital, fortalecendo a Rede dos Pontos de Cultura e promovendo a cultura livre, sobretudo através de oficinas, eventos e discussões.

Os Pontos de Cultura são instituições que, por meio de convênio com a Secretaria de Programas e Projetos do Ministério da Cultura (SPPC/MinC), contam com o apoio financeiro para atuar na produção artísticocultural, contribuindo para a inclusão social e a construção da cidadania, por meio da geração de emprego e renda, além de ações de fortalecimento das identidades culturais.

Saiba mais sobre o Programa Cultura Viva.

(Texto: Sheila Rezende, Comunicação Social/MinC)
(Fonte: Pontão de Cultura Digital do Circo Voador)